PEÑA UBIÑA [corredor do pilar]

O corredor do Pilar situa-se na face sul da Peña Ubiña numa vertente cortada por alguns esporões e canais. Dada a sua orientação é necessário que as temperaturas estejam bem baixas e estáveis ao longo do dia para que não afundemos na neve fofa. Esta vertente não é, em principio, uma das escolhas para os dias mais quentes e longos do inicio da primavera.

PICO TORRES [norte directa] 320 mts – III/2- (65º)

O Pico Torres é um evidente cume bem visível do Puerto de San Isidro. Para além da via normal, descrita em outro post, existem na face norte duas vias que são talvez os mais interessantes percursos invernais deste pico.

Em contraste com a soleada via normal, na vertente norte não veremos o sol uma única vez e o ambiente é mais agreste e as ascenções mais comprometidas.

TRIANGULO DO TACUL [contamine-negri]

O Triangulo do Tacul situa-se na face norte do Monte Branco do Tacul, maciço do Monte Branco, Chamonix.

É uma evidente zona rochosa completamente identificável quando se chega via a Agulha do Midi .

Apesar de se considerar uma via do Triangulo do Tacul esta via praticamente só toca neste duas ou três vezes. É a primeira que passa nos seracs que descem do cimo do Monte Branco do Tacul.

TRIANGULO DO TACUL [contamine-mazeaud]

O Triangulo do Tacul situa-se na face norte do Monte Branco do Tacul, maciço do Monte Branco, Chamonix.

É uma evidente zona rochosa completamente identificável quando se chega via a Agulha do Midi.

TRIANGULO DO TACUL [contamine-grisolle]

O Triangulo do Tacul situa-se na face norte do Monte Branco do Tacul, maciço do Monte Branco, Chamonix.

É uma evidente zona rochosa completamente identificável quando se chega via a Agulha do Midi.

É uma via possível de se fazer num só dia saindo de Chamonix desde que tenhamos ritmo para ir de encontro ao horário. Nós optamos por a realizar desta forma. Isto apesar de uma avaria no teleférico da Agulha do Midi que fez que só estivéssemos na base cerca das 10h30 da manhã. Também devido ao mau tempo desse ano estávamos pouco aclimatados sendo esta a nossa primeira subida a esta altitude. O corpo sentia-se cansado e a nossa processão foi mais lenta do esperávamos pelo que acabamos por só regressar na ultima descida do teleférico. É uma via bastante variada, tanto com placas de neve continuas, como misto de gelo e rocha ou estreitos corredores.