PEÑA UBIÑA [norte clássica]

22 Agosto, 2017 at 22:14

Trata-se de via mais percorrida da face norte, e uma das mais procuradas da Peña Ubiña. As suas maiores dificuldades concentram-se nos primeiros 3/4 lances sendo no entanto bastante continua até ao final. É nos lances iniciais que encontramos o passo chave da via localizado num pequeno corredor diagonal onde é difícil proteger na rocha. Aqui pode útil uns pitões de gelo, se as condições os permitirem, ou umas estacas de neve.

PICO MURCIA [norte directa]

25 Julho, 2017 at 21:53

Este cume situa-se no parque natural da montanha palentina, perto da cidade de Guardo. No inverno de 2013 fiz uma actividade com um grupo cujo objectivo era a sua face norte por uma via já existente mas a intensa chuva de sábado, e que nos acompanhou durante a viagem desde Portugal, fez os seus estragos. As várias avalanches que percorreram a entrada da via norte fizeram que optássemos por uma linha mais protegida e segura. Pelo que consegui apurar com escaladores espanhóis habituais desta zona terá sido uma abertura. No domingo saímos de Campooredondo de Alba em direcção a Cardaño de Arriba. O dia ainda estava com bastantes nuvens e muito vento mas parecia quer aguentar. Subimos o vale de Valcabe e a partir da segunda ponte passamos a ter neve continuamente.

PICO ESPIGUETE [corredor nordeste]

20 Julho, 2017 at 22:19

Subida invernal pelo corredor NE do Pico Espiguete e descida pelo corredor norte

O cume do Espiguete é uma dos principais da montanha palentina e o corredor nordeste uma das vias mais clássicas da zona. Podemos dividir a ascensão em duas partes. Uma, a subida até ao inicio da via por uma pala de neve e com cerca de 600 metros de desnível, e outra, a via propriamente, com cerca de 400 metros.
Saimos para numa zona conhecida como Pinollano, mais ou menos a meio da estrada que liga Cardaño de Abajo a Cardaño de Arriba.