SERRA GERÊS [Pitões-Fonte Fria-Barragem Paradela-Pitões]

Este percurso começa em Pitões seguindo para norte em direcção à fronteira. A partir daí segue a linha de fronteira subindo para o Penedo da Pizarra e percorrer alguns estradões que a seguem. Ao chegar à Lomba contorna-se o Coto das Gralheiras descendo ao vale do lado português, por um caminho nem sempre evidente, para voltar a subir e retomar a linha da fronteira logo à frente.

TUC VALLIBERNA E TUC CULEBRES [Vale de Valliberna, aresta e Canal de Culebres]

Desde o refúgio seguimos o percurso do GR-11, subindo o vale, para um pouco mais à frente encontrar o desvio para os Ibones de
Coronas e logo de seguida, na Pleta de Llosas, encontrar o caminho que desvia para os Ibones com o mesmo nome (2225 m). Ambos os desvios estão bem assinalados. O desvio para Llosas atravessamos o à nossa direita através de uma ponte de madeira e continuamos a subir o vale. Até aqui o caminho segue por entre o pinheiros mas o seu número vai diminuindo com a altitude.

PEDRADA – SERRA PENEDA [travanca, guidão, branda cova, pedrada, fojo, travanca]

Depois de várias tentativas de voltas nesta serra, sempre abençoadas pela chuva, finalmente uma volta em que não se podiam pedir melhores condições: muito sol, temperatura amena e uma brisa para manter os corpos frescos.

PEÑA MAÍN – Picos Europa [pela vila de Tielve]

Este é um óptimo miradouro do maciço central desde a parte norte.

Esta é uma das duas formas habituais de subir a esta Peña e efectivamente a mais dura.

Inicia na aldeia de Tielve, fazendo um desnivel de +/- 950 metros, enquanto a outra opção inicia junto a Pandébano, e sobe 500 metros. Tal como todos os caminhos das zonas mais baixas dos Picos da Europa este segue inicialmente caminhos rurais que dão acesso a campos e zonas de pastagem mais altas. Até chegarmos à parte alta, quase no cimo, este caminho tem muitas árvores e sombra.

S.MACÁRIO [Póvoa Leiras-Covelo Paivô-Covas Monte-Drave-Póvoa Leiras]

Conheci este percurso por intermédio do Pedro Guedes, da Espaços Naturais, durante uma actividade de preparação para os Alpes onde foi como monitor.