Montanha Leve

 

 

Alpes Franceses

 > Contamine-Grisolle

 > Contamine-Mazeaud

 > Contamine-Negri

 > Le Râteau Oeste - Aresta Oeste - Ecrins

 > Mont Gioberney - Ecrins

 

Alpes Suiça/Italia

 > Travessia Breithorn - Castor

 

Espanha

 > Pico Torres - Via normal

 > Pico Agujas - Corredores face NE

 > Pico Coriscao - Pelo Collado de Llesba em ski

 > Pico Tesorero - face oeste em ski

 > Canchal de La Ceja - Bejar - em ski

 > Pico Padierna - invernal por Canal S.Luis

 > Peña Fornos em ski - San Isidro

 > Torre Friero - corredor norte invernal

 > Peña Ubiña - Norte Clássica

 > Curavacas- Corredor Sul

 > Pico Murcia - Directa Norte

 > Pico Espiguete - Corredor Nordeste

 

 

 

PICO CORISCAO - San Isidro

[Via normal pelo Collado de Llesba]

Este pico é conhecido por ser um excelente mirador tanto dos Picos da Europa como da Peña Prieta. Não sendo uma montanha escarpada é uma óptima ascenção no verão mas muito melhor quando se cobre com a neve do Inverno.

Nós já o subimos nas duas estações. É uma subida fácil e mantida durante todo o percurso empinando um pouco na parte final. Como percurso é quase sempre na aresta que liga o Collado de Llesba ao cume é uma subida bastante segura mesmo quando cumes estão carregados de neve e o risco de avalanche é um pouco alto. Por outro lado isto faz com que seja uma ascenção algo exposta em caso de vento.

A subida inicia-se no miradouro de Llesba ao que chegamos subindo por um estradão de terra batida que sai do colo de San Glorio. No Inverno nem sempre é possível fazer estes dois kilometros de carro, o que aumenta um pouco o percurso. Neste mirador encontramos um conhecido monumento ao urso, antigo povoador desta região.

O percurso não se encontra muito marcado mas o caminho é bastante evidente. Do Colo de Llesba subimos uma rampa onde predominam os arbustos para chegar ao primeiro alto. Esta zona pode ser mais cansativa no Inverno, quando a neve cobre as ramagens e os caminhos obrigando-nos a andar por cima deles.

Depois de alcançar o primeiro cimo o caminho baixa um pouco para voltar a subir logo a seguir. Este segundo alto pode ser contornado pela direita.

À frente temos uma nova elevação, a Peña del Gustal, que se passa deixando-a pela nossa direita. É possível subir ao seu cimo, não directamente, mas contornando um pouco para, em seguida, subir por uns passos no meu das rochas.

Chegados a um novo colo temos duas opções contornar ou subir ao seu cimo, o El Cascajal.
Para contornar é necessário perder um pouco de altura, percorrer um caminho com um pouco de mato para a seguir subir a um novo colo deixando o cimo pela direita.

Chegamos ao largo colo antes da subida final. Deixando à direita uma proeminência de rocha o caminho vai ganhando altura e inclinação (30-35º). No inicio segue o filo da aresta para em seguida subir pela pala final (no verão segue um evidente caminho).
 
No final atinge-se uma pequena aresta que nos deixa no cume do Coriscao. Daqui a vista é fabulosa e merece uma pequena pausa antes da descida pelo mesmo percurso.
 

 

 

 

 

FOTOS DO PERCURSO

PERCURSO NO MAPA

MAPA EM 3D

PERFIL DE ALTITUDES

GPS OZI

GPS GTM

TEXTO EM PDF

 

 

Horário

4h00 subida

Extensão

14 km ida e volta

Desnivel Acumulado

Positivo - 600 mts

Negativo - 600 mts

Carta

Mapa Instituto Geográfico Espanhol

Mapa GPS OZI

Sim

Dificuldade MIDE

 

midedifsimbolo